Home SAÚDE Saúde mental e atividade física: conheça essa íntima relação

Saúde mental e atividade física: conheça essa íntima relação

19
0
Três pessoas praticam atividade física em academia, o que ajuda na saúde mental

Cuidar da saúde mental é uma necessidade para se viver bem, e não apenas nas relações intrapessoais, como também para o convívio em sociedade.

E a melhor maneira de fazer isso é incluir hábitos que contribuem para a saúde tanto do corpo quanto da mente. Afinal, nosso corpo é um só, não existe separação, um aspecto influencia o outro.

Para alcançar o bem-estar físico e emocional, é necessário ter um estilo saudável, o que inclui a prática de atividades físicas. 

Veja neste artigo como melhorar a saúde mental e como cuidar do seu corpo para ter uma vida mais plena e equilibrada.

O que é saúde mental?

Podemos dizer que a saúde mental é uma condição na qual nossas emoções e nossos pensamentos se encontram:

Uma pessoa com saúde mental tem suas emoções equilibradas e pensamentos saudáveis, que consegue sentir prazer nos momentos da sua rotina

Portanto, ela consegue manter uma perspectiva positiva e construtiva sobre o futuro e nutrir relacionamentos saudáveis.

Da mesma forma, o indivíduo é capaz de experimentar emoções positivas, como alegria, orgulho, esperança, inspiração, diversão, amor, gratidão e inspiração.

Além disso, uma pessoa com saúde mental consegue lidar com as adversidades com autoconfiança e equilíbrio emocional.

No entanto, isso não quer dizer que ela está imune contra emoções negativas, como tristeza, ansiedade ou raiva.

Mesmo experienciando emoções negativas ao enfrentar desafios e situações estressantes, é capaz de regular suas emoções para retornar ao estado de equilíbrio e bem-estar.

Assim sendo, a principal característica de um indivíduo mentalmente saudável é sua capacidade de resiliência.

No entanto, a saúde mental também está ligada ao bem-estar físico.

Qual a relação da atividade física e saúde mental?

Ao praticar atividade física, os neurônios liberam neurotransmissores, como a serotonina, a dopamina e a endorfina.

Eles são comumente conhecidos como “hormônios da felicidade”, porque promovem sensação de relaxamento e prazer, que ajudam a melhorar o humor.

Por outro lado, o exercício físico regula hormônios importantes do nosso cotidiano, como o cortisol, responsável pelo estresse, e a melatonina, que controla o sono.

Com os níveis regulados, o indivíduo consegue lidar melhor com diferentes situações, reagindo de forma mais equilibrada, e ter uma noite de sono de qualidade, que é essencial para o descanso da mente e do corpo.

Dessa forma, é possível obter mais disposição, energia e motivação para realizar as atividades diárias.

O conjunto desses efeitos no ser humano contribui para que ele se sinta mais confiante e tenha mais autoestima, que também é influenciada pela imagem corporal.

Além disso, a falta de atividade física favorece o desenvolvimento de doenças pioram a qualidade de vida e desencadeiam doenças mentais, como ansiedade, estresse e depressão.

Mas os efeitos também estão associados à diminuição da autoestima, do bem-estar e da sociabilidade. 

De acordo com o artigo Benefícios da Atividade Física para a Saúde Mental,  publicado na revista Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe, Espanha e Portugal (Redalyc), o sedentarismo é um fator determinante para o surgimento de doenças degenerativas.

Por isso, o sedentarismo é extremamente prejudicial para a saúde do corpo e da mente. 

Leia mais: Qual a melhor atividade física para ansiedade?

Como cuidar da saúde mental?

A prática de atividade física é essencial para a manutenção da saúde mental.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda a prática de atividades físicas regularmente para melhorar a saúde mental.

A atividade física é capaz de regular diversos processos metabólicos e celulares, que acarretam em mudanças fisiológicas e impactam diretamente no bem-estar emocional.

Portanto, recomenda-se realizar exercícios físicos pelo menos 3 dias na semana. 

Recomendação de atividades 
> 5 - 17 anos: Crianças e adolescentes devem praticar 60 minutos de atividades aeróbicas, majoritariamente, moderadas ou intensas, ao longo da semana.
> 18 - 64 anos: Adultos precisam praticar atividade física aeróbica por semana:
Moderada, de 150 a 300 minutos. Para benefícios adicionais, mais de 300 minutos.
Ou intensa, de 75 a 150 minutos. Para benefícios adicionais, mais de 150 minutos.
Também é recomendado a prática de musculação pelo menos 2 dias na semana
> 65 anos ou mais: Idosos devem realizar atividades aeróbicas semanalmente:
Moderada, de 150 a 300 minutos. Para benefícios adicionais, mais de 300 minutos.
Ou intensa, de 75 a 150 minutos. Para benefícios adicionais, mais de 150 minutos.
Idosos também precisam realizar exercícios de fortalecimento muscular em 2 dias da semana ou mais.
Outra recomendação é a realização de atividades de intensidade moderada que contribuam para o equilíbrio e a força por, pelo menos, 3 dias na semana.

Além disso, o sedentarismo não é apenas a falta de atividade física, como esporte, ginástica ou musculação, mas também de atividades diárias. 

Para um indivíduo não ser considerado sedentário, ele precisa gastar a partir de 2.200 calorias por dia, que varia de acordo com o peso corporal de cada um. Isso significa que é necessário ter um estilo de vida ativo no seu cotidiano.

Para te ajudar a cuidar da sua saúde mental, você pode começar a se exercitar regularmente na Cia Athletica.

A Cia Athletica é uma academia completa que disponibiliza diferentes tipos de atividade para você realizar ao longo da sua semana e manter um estilo de vida saudável (wellness)

Agende uma aula na unidade mais próxima de você e conheça nossa estrutura!

Você também pode se interessar em ler:

Ginástica de relaxamento: conheça 5 tipos

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome